1476876_10202655407568033_1592780205_nDia vinte e um de dezembro marca o início do verão. mais precisamente o Solstício de verão.

… que é quando o sol, no meio e no alto, nos reverencia. e amanhecer fica morno e alegre. e os corpos transpiram de calor liberando as dores e as toxinas. e porque começa o verão, o coração vem à superfície.

O sol, carinhoso, nos ilumina de fora pra dentro: aquece primeiro a pele e então sentimos os músculos mais macios e cadentes, os ossos preenchidos de vigor pedem movimento e por dentro, as emoções e pensamentos também sentem calor e luz. e então nos é permitido o espelho mais generoso da alma. o sol, que ilumina, também cura.

Minha primeira prática séria de Yoga aconteceu com o Gui Nascimento e sua ashtanga do ar. a reverência ao sol em gestos suaves, precisos e amorosamente repletos de calor.

foi a última vez que fiquei doente. foi quando compreendi e senti e tênue e delicada linha que une mente, corpo e coração.

foi também quando pude me separar dos comportamentos antigos que velhos e cansados de mal comportarem-se ficaram na porta, sentindo o sol, alumiando, alumiar…

 

Clique aqui e curta o BOA YOGA no Facebook.

Comments