Quem aí pensa no Inverno e já se imagina debaixo das cobertas, bem aquecido e longe do vento frio que faz lá fora? O Inverno chega justamente para nos colocarmos mais introspectivos e questionadores sobre tudo que está em torno de nós.

No xamanismo, esta é considerada a estação da renovação e da sabedoria. Os ventos frios que insistem em cobrir as manhãs levam as folhas embora e com elas as nossas dúvidas e medos que nos rodearam durante todo o Outono que passou.

É no Inverno que recuperamos nossa paz interna, o poder de perdoar e ter compaixão. Aprendemos que podemos nos harmonizar com tudo e com todos levando consigo bons sentimentos e vibrações. Melhor momento para escutar e compreender e integrar palavras, pensamentos e atos. Estação representada pelo animal totem Búfalo Branco.

Durante este período é indicado se para pensar sobre as questões de como está a sua vida e o que mais pode fazer para que flua tudo bem. Excelente momento para vislumbrar o futuro, “ativar” as sementes de novos planos e preparando-as para o “nascimento”.

Aproveite o Inverno para fazer os ajustes que julgar necessários, purificando a intenção de cada um deles, preparando para a chegada da Primavera e transição para um novo ciclo. O Inverno traz essa energia da compreensão intuitiva dessa dádiva e junto com ela estão as faculdades psíquicas mais ativadas e uma grande perspicácia em sintonizar sonhos e visões, tanto nossos como de outras pessoas.

O grande propagador do Xamanismo no Brasil, Léo Artese, preparou algumas questões que podem ser trabalhadas nesta época do ano.

Perguntas para o Solstício de Inverno:

  • Quem eu sou?
  • Onde quero colocar o meu esforço?
  • Como posso mudar meus padrões de pensamento para atingir meus objetivos?
  • Onde posso conseguir melhores fontes de inspiração para as soluções que preciso?
  • O que o Universo quer me revelar aqui e agora?
  • Qual é a nova ideia que quero semear para nutrir-me no futuro?
  • O que preciso liberar para renovar?
  • Como posso transformar o negativo em positivo?
  • O que preciso para viver mais feliz?

“O conhecimento é aquele que provê respostas para as questões: que, quem, onde e como; e a sabedoria responde o por quê. De nada vale um conhecimento a serviço da vaidade ou somente para estimular a mente. Ele só tem validade se é transformado em sabedoria através do amor” – Léo Artese.

Fonte: www.xamanismo.com.br

Visite www.facebook.com/yogadelic e www.instagram.com/yogadelic

Comments