Ter uma viajem marcada pode ter mudado durante os anos. Quando jovens, as preocupações eram de levar um livro, uma bola de futebol e algumas comidas de rápido preparo, e vamos vamos crescendo e amadurecendo começamos a mudar e adotar um estilo mais organizado e sempre pensando e planejando e nos perguntando o que devemos coloca na mala.

A forma simples que planejávamos quando jovens trazem espantos quando vindo a tona em nossas memorias . Quantas coisas a mais levamos quando viajamos que nunca usamos e que só agrega peso e frustração em momentos que deveriam ser de pura leveza e prazer. Porque não tentamos usar um pouco da leveza e desapego da juventude e levar o que realmente é necessário, talvez na primeira vez você ainda erre mas a cada viajem ficara mais leve.

O importante é plantar a semente e planejar o necessário sem perder o foco no planejamento e concentrando no objetivo final. Quantas malas cheias de expectativas, atividades, planos, ressentimentos, e momentos perdoados carregamos conosco todos os dias? Mesmo as companhias aéreas sabem cobrar uma multa quando embalamos acima do limite , pense quantos de nós estão embalando acima do limite todas as manhãs e carregando durante todo o dia essa bagagem pesada?
E se nós acordamos todas as manhãs e levarmos nada com a gente? E se fosse esse o objetivo? E se nós limparmos nosso caminho para a vida que queremos? Desempacotado nosso caminho para a liberdade? Desempacotado nossa maneira de ser?

E, no entanto, parece que estamos colocando mais em nossas malas já cheias e adicionando decepções e raiva por carregar essa pesada carga. Esta loucura que fazemos para nós mesmos é tão boba como carregar uma pesada mala de tijolos todo o dia e continuar  adicionando mais de acordo com nossas experiencia.
Coloque mais luz em sua bolsa todos os dias, esse é o convite para não ser apegada a matéria.

Ler Mais Sobre Yamas e Niyamas

Comments