Não importa a idade, todos os  dias temos que aprender algo novo para sobrevivermos, afinal se por um dia não aprendermos nada talvez a vida não tenha sentido, seja no trabalho sobre aquele novo programa, processo ou na vida pessoal com nossos pais, filhos e amigos ou até com a espiritualidade. Vale pensar que ser direcionarmos nossa concentração de forma correta esse aprendizado vai ser mais fácil. Lendo o livro – Cultivando a Mente de Amor encontrei um ótimo paragrafo que resolvi adaptar aqui para o site e fala um pouco sobre concentração e aprendizado.

Ouça com a totalidade de seu ser, não apenas com o seu intelecto. Sementes de amor e compressão, profundamente enterradas em sua consciência, irão ser remexidas e você vai sentir que ouve não apenas as palavras mas a de todos a sua volta. Quando algo é realmente interessante, você não precisa se esforçar para ouvir. A concentração se dá sem nenhum esforço, e é da concentração que nasce a compreensão.

Encontre algo que você realmente se interessa e deixe que o conhecimento caia sobre você como uma chuva e penetre no solo de sua consciência. Não pense muito; não argumente, nem compare. Jogar com palavras e ideias é como tentar prender água num balde. Simplesmente deixe que sua consciência receba a chuva, e as sementes profundamente enterradas dentro dela terão chance de serem aguadas.

É isso então, acho que pode trazer um certo desconforto pensar em utilizar essas palavras para aprender sobre certos assuntos , mas se esse aprendizado mesmo sendo “chato”estiver levando você para o que realmente quer, então não importa o que for coloque amor e compressão que as coisas irão ser mais fáceis.

 

 

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>