Como encontrar um professor de Yoga, seja de Ashtanga, Hatha ou qualquer outra variação?

Nós só podemos responder a esta pergunta pela nossa própria experiência, levamos algum tempo a conseguir encontrar um professor de Ashtanga Yoga, passamos por algumas escolas e métodos de Yoga, tomámos contacto com vários professores e quando descobrimos o nosso primeiro professor de Ashtanga Yoga, sentimo-nos literalmente “em casa”. Primeiro de tudo você tem de saber que tipo de Yoga quer praticar, felizmente em Portugal já há várias estilos e várias escolas. Tem de perceber quais são as suas expectativas em relação à prática e de acordo com estas, experimentar variadas aulas até sentir o tal “estar em casa”. A seguir é importante saber o caminho e percurso do seu professor, pergunte-lhe com quem aprendeu, como começou a fazer Yoga, onde estudo e com quem estudou. Pergunte-lhe sobre o tipo de Yoga que ensina, quais as características principais e em que se baseia. Reunia o máximo de informação e junte esta com o que sentiu ao fazer uma aula e aí descobrirá se é aquele tipo de Yoga e com aquele professor que deverá aprender!

Não existe um Yoga melhor do que o outro, não existe um Yoga superior. Existe sim bons profissionais, pessoas que se dedicam à prática de Yoga e se dedicam ao seu ensino, procure o estilo de Yoga que mais serve ás suas expectativas e necessidades e beneficie da prática, pois em última instância todo o tipo de Yoga tem o mesmo objectivo, união entre corpo, mente e alma.

Há quem seja apologista de se praticar vários estilos de Yoga ao mesmo tempo, há quem o veja como “manter a mente aberta”, um dia prático Hatha Yoga Clássico, no outro dia faço Iyengar e no final da tarde um Ashtanga, no dia a seguir e para começar o dia faço um Bikram e ao anoitecer uma sessão de Bhakti Yoga, etc. Mais uma vez, cada um sabe de si e se para si isso faz sentido então continue. À luz da nossa experiência, misturar métodos a longo prazo não é muito benéfico, vira uma confusão, aquele professor e aquele método diz isto, o outro sobre o mesmo assunto diz outra coisa. Perca tempo a escolher o método e seu professor e fique um tempo com estes. Se sentir que ainda não é isso que procura, então agradeça tudo o que aprendeu e continue o caminho para achar o seu método e o seu professor de Yoga.

* Shri K. Pattabhi Jois e Sharath Rangswamy

Comments