Desta vez, falaremos sobre grupos de contrações musculares, agonista, antagonistas e sinergistas. Para quase todos os grandes movimentos do corpo, há um músculo envolvido de cada grupo.

Quais são os componentes do Grupo Muscular?

O músculo agonista é o principal autor envolvido num movimento. Sua função é de contração ou encurtamento do músculo agonista a fim de criar o movimento.

O músculo antagonista tem várias funções. Ele pode relaxar (alongar) para que o músculo agonista funcione em toda sua plenitude. Ele também pode desacelerar o movimento do músculo agonista para evitar que rompimentos.

E o músculo sinergista que estabiliza a articulação e auxilia na criação do movimento do músculo agonista.

Na Pratica!

Um exemplo é a ação entre os músculos bíceps,  tríceps, braquiorradial e braquial  . Quando você for levanta os bíceps junto ao corpo (ver imagem abaixo), o músculo agonista é o bíceps, músculo antagonista é o tríceps, braquiorradial e braquial são os sinérgicos.

Contrações musculares do bíceps , agonista, antagonistas e sinergistas

Quando você traz a mão em direção ao ombro, o bíceps é o agonista e o tríceps é o músculo antagonista.

Agora isto é pode ficar complicado. Quando você cria o movimento inverso-levando a mão  para longe do seu ombro -o músculo agonista é o músculo tríceps e o antagonista é o bíceps. Isso é porque a fim de criar o movimento de levar a mão para longe, tríceps tem que contrair ou encurtar e o bíceps tem que alongar ou relaxar.

Porque isso é importante no Yoga?

Porque se você entender as relações entre grupos musculares, você pode trabalhar de forma mais inteligente e tirar o máximo proveito da sua prática!

Quando você contrai as coxas (agonista), você irá ajudar o seu isquiotibiais (antagonista) alongar mais eficaz e mais seguro. Quando você contrai o abdômen, durante uma flexão frontal (agonista), você irá ajudar de forma mais eficiente a alongar os músculos em suas costas(antagonista).

Pense em todos os pares de músculo que trabalham juntos no movimento do corpo. Diferentes movimentos ativam diferentes grupos musculares no punho, braço, ombro, coluna, quadris, joelhos e tornozelos. Pense sobre o que os músculos que você contrai para ter outros músculos relaxados.

E mais

Aqui está outro elemento a considerar: tal como mencionado acima,outra função do músculo antagonista é de abrandar o movimento para garantir uma flexão segura. Em nossos músculos, existem os receptores de alongamento.” Eles existem para impedir que você estire e rasgue o músculo.

Quando começar a alongar, você geralmente encontra resistência muscular. Mas se você segura o alongamento, por alguns segundos, você pode encontrar um relaxamento. Isso permite que você alongue com mais profundidade.

Que é o receptor do alongamento dizendo ao músculo, “Beleza, este é um alongamento seguro, não vai estirar ou romper nada.”

É por esta razão que em posturas como Uttanasana. Onde é  importante contrair os quadríceps (agonista) para liberar os isquiotibiais antagonista. Permaneça na postura por mais de 5 respirações profundas para aprofundar o alongamento.

Balançar não é tão bom; um longo e lento, firme e constante alongamento obterá melhores resultados.

Pense sobre seu músculos agonistas e antagonistas!
Dê uma olhada nos livros da Bandha Yoga em português na página da Traço Editora para aprender mais como combinar a ciência ocidental com a arte do Yoga…

Namastê

Comments