E aquela hora da aula de Yoga que o professor indica que a próxima postura é a da prancha lateral (Vasisthasana) ou das posturas de retroflexão, quando dobramos para trás. Eu particularmente não gosto muito dessas posturas mas como o tempo trás  experiência e trouxe ao meu conhecer que são essas que irão fazer a diferença na minha evolução, comecei a praticar mais e aqui está, um pequeno flow (sequência) que você pode adicionar a sua pratica. A variação da postura da roda (6) é minha favorita. Vamos falar algumas coisas que você precisa saber.

Core

Essas posturas irão melhora a força do seu core (tronco), afinal sustentar o corpo no ar, não vai apenas pedir esforços dos seus braços.

Braços e Pulsos

Se equilibrar tanto com um ou dois braços irá melhorar sua força nos braços e pulsos assim como nos ombros. Importante não travar os cotovelos. Leia o artigo hipermobilidade vs flexibilidade se tiver duvidas a respeito e também não sobrecarregue os ombos, envie comentários caso queira algumas fotos mostrando esse erro comum.

Pernas

Essas posturas por mais que não pareçam, irão fortalecer a perna suporte. Ativando os quadríceps vai das mais suporte para o core.

Equilíbrio

As primeiras posturas da série são de fácil equilíbrio e depois da quarta vai ficando mais difícil e como tudo que é difícil trás mais recompensa, será??? As posturas irão dar um grande senso de força, estabilidade e flexibilidade que são as característica do… Equilíbrio…

Bem é isso ai yoguis, sem mais palavras porque esse artigo é para praticar. Baixe uma cópia no link abaixo pra você levar pra academia, parque, ou mande de presente para sua professora para ela embutir dentro da aula.

[download id=”11407″]

Estou com plano de fazer essas sequencia em vídeo, escreva um cometário se achar um boa ideia e até o próximo.

Por Felipe Vieira

 

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>